Reflexões

Marcos e os enigmas do seu evangelho - Cegueira silenciosa

NEY GOMES*

MARCOS E OS ENIGMAS DE SEU EVANGELHO - CEGUEIRA SILENCIOSA

MARCOS E OS ENIGMAS DE SEU EVANGELHO (1C\2)

CEGUEIRA FUNCIONAL

Leitura do devocional: Marcos 7. 31- 37

“E trouxeram-lhe um surdo, que falava dificilmente; e rogaram-lhe que pusesse a mão sobre ele”. (Mc 7. 32 – ACF).

Se aceitamos oferecer algo que não temos em abundância, o faremos sob o risco de fazer mal e fazer com dano. Isso acontece com os sentimentos, isso acontece com as palavras. Houve um homem enviado de Deus, esse homem se chamava Jesus de Nazaré, ele levava abundância por todos os lugares por que passava. Ele não só nos tirou das trevas e nos trouxe para a maravilhosa luz do Pai, como nos tirou das ‘dificuldades’ e nos trouxe para a abundância das riquezas de sua vida (Cl 1. 13). ‘Dificuldade’ é a palavra que define nossa proximidade com qualquer escassez. Ela marca a ausência da plenitude que é necessária para o bem de certas coisas (Pv 24. 10).

Em Decápolis havia um homem de quem todos exigiam o impossível. O diálogo por vezes, pode provocar muitas dores na alma de uma pessoa. Principalmente quando uma das partes não tem as palavras que são exigidas. Havia esse homem, surdo, de quem as pessoas – em seu próprio egoísmo – exigiam palavras em abundância. O silêncio é para a alma como a cegueira é para os olhos. E as pessoas exigiam daquele homem, desde sua meninice, que ele desse o que nunca teve: um vocabulário. Exigir de um surdo um vocabulário é o mesmo que exigir de um cego que ele faça distinção das cores de um semáforo.

Quer continuar lendo? Para continuar lendo este artigo baixe os anexos nos links abaixo.Bons estudos.

*Pastor auxiliar da Comunidade Evangelística Internacional em Casemiro de Abreu/RJ

<strong^COLABORAÇÃO PARA O PORTAL ESCOLA DOMINICAL - PR. NEY GOMES

Adquira o livro do Pr. Ney Gomes - Êxito sobre os desertos - link: http://www.editorareflexao.com.br/exito-sobre-os-desertos/p/668

Copyright © 2003 - 2020 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.