Reflexões

Cuidado com a língua

Pastor José Fernandes

São Paulo,28 de Outubro de 2022.

Clínica de Nefrologia (Hemodiálise) Fresenius Medical Care!!!

REFLEXÃO

TEMA: "Cuidado com a língua eterna"

TEXTOS: Sl 141:3; Tg 3:5; Pv 10:19; Sl 45:2; Ec 12:11; !!!

Sl 141:3 Põe, ó SENHOR, uma guarda à minha boca; guarda a porta dos meus lábios.

O Salmista experiente na vida, havia aprendido o perigo de falar muito, e, muitas vezes algo que não devemos falar. Quantas vezes jogamos palavras ao vento, isto sem necessidade. Em virtude disto esta oração no Sl 141. Muitas vezes se Deus não nos ajudar, ou melhor não trancar nossos lábios. Falamos o que não deve; coisas que não convém e nem tão pouco edificam, além doque fere pessoas. Vejamos o que nos ensina São Tiago:

Tg 3:5 “Assim também a língua é um pequeno membro, e gloria-se de grandes coisas. Vede quão grande bosque um pequeno fogo incendeia.”

Pv 10:19 Na multidão de palavras não falta transgressão, mas o que modera os seus lábios é prudente.

É melhor não dizer nada do que abrir a boca e pecar com as nossas palavras. Quanto mais falamos, mais provável é que digamos algo impróprio. A língua é com frequência um instrumento do pecado. É melhor que as nossas palavras sejam poucas; é melhor pensar antes de falar. Melhor pesar os nossos pensamentos antes de os transformar em palavras proferidas. Diz a sabedoria popular: “três coisas não voltam, a palavra falada; a flecha atirada e a oportunidade perdida”.

Quantas vezes com demasiada frequência, vemos, ou até nos mesmos, pecamos com as nossas palavras. Colocamos as mãos sobre a boca e mos arrependemos das nossas palavras pecaminosas, proferidas com raiva, com inveja, luxúria ou rebelião contra Deus e o próximo. Precisamos Purificar os nossos lábios como Deus fez com os lábios de Isaías quando ele viu a glória de Cristo. Que Deus nos ensine a pensar e falar bem, a proferir as palavras certas no momento certo para que sejam como água fresca para uma alma sedenta.

Sl 45:1 O meu coração ferve com palavras boas; falo do que tenho feito no tocante ao rei; a minha língua é a pena de um destro escritor.

Ec 12:11 As palavras dos sábios são como aguilhões e como pregos bem fixados pelos mestres das congregações, que nos foram dadas pelo único Pastor.

Meu cordial, fraternal e afetuoso abraço. Auguro à nobreza e digníssima família, semana de incontáveis vitórias, permeada por copiosas e perenes bênçãos.

Debaixo da graça, e, multidões das misericórdias do ALTÍSSIMO!

Pelos Laços do Calvário!

Shalom Aleikhen 🙌🏻🇧🇷

JFernandes 🤝😍📖✝️⚔️

OBS: Pastor José Fernandes faz estas reflexões enquanto se submete a sessões de hemodiálise. É pastor jubilado do Ministério do Belém - São Paulo/SP, foi secretário adjunto da CONFRADESPE.

Copyright © 2003 - 2023 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.