Primário

Lição 5 - O primeiro pecado

ASSEMBLEIA DE DEUS - MINISTÉRIO NO IPIRANGA - SEDE - SÃO PAULO/SP

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

SEGUNDO TRIMESTRE DE 2021

Primários: Conhecendo o livro do começo

COMENTARISTA: GISELE GUIMARÃES

COMENTÁRIO: PROF.ª JACIARA DA SILVA

LIÇÃO Nº 5 – O PRIMEIRO PECADO

Texto Bíblico: Gn 3.1-24.

Objetivo

Professor (a) ministre sua aula de forma a conduzir seu aluno a compreender que devido ao pecado do primeiro casal Adão e Eva, toda a humanidade estão sob o pecado, somente em Jesus somos livres da condenação do pecado.

Exercitando a Memória

“Pelo que, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado, a morte, assim também a morte passou a todos os homens, por isso que todos pecaram.” (Rm 5.12 – ARC)

Prezado (a) enfatize aos pequenos que Deus ao criar o homem e a mulher os colocou em um lindo jardim, chamado Éden, e lá a alegria, o conforto a paz eram constantes, pois Deus providenciou tudo para o bem estar do casal. Mas a inocência e a harmonia daquele lugar foi quebrada quando Adão e Eva desobedeceram a Deus, e a conseqüência desse ato afetou toda a humanidade.

Crescendo no conhecimento

O SENHOR criou o homem e a mulher, os quais se chamaram Adão e Eva.

Depois o SENHOR Deus plantou um jardim na região do Éden, e ali pôs o casal que ele havia formado.

O SENHOR fez com que ali crescessem árvores lindas de todos os tipos, que davam frutas boas de se comer. No meio do jardim ficava a árvore que dá vida e também a árvore que dá o conhecimento do bem e do mal. Então o SENHOR Deus pôs o homem no jardim do Éden, para cuidar dele e nele fazer plantações.

E o SENHOR deu ao homem a seguinte ordem:

— Vocês pode, comer as frutas de qualquer árvore do jardim, menos da árvore que dá o conhecimento do bem e do mal. Não coma a fruta dessa árvore; pois, no dia em que você a comer, certamente morrerá.

No Éden nascia um rio que regava o jardim e que, saindo dali, se dividia, formando quatro rios

Tanto o homem como a sua mulher estavam nus, mas não sentiam vergonha, pois eram inocentes, em seus corações não havia maldade.

A cobra era o animal mais esperto que o SENHOR Deus havia feito. Satanás, o inimigo de nossas almas, entrou neste animal e a usou para falar com Eva. Ela perguntou à mulher:

— É verdade que Deus mandou que vocês não comessem as frutas de nenhuma árvore do jardim?

A mulher respondeu:

— Podemos comer as frutas de qualquer árvore, menos a fruta da árvore que fica no meio do jardim. Deus nos disse que não devemos comer dessa fruta, nem tocar nela. Se fizermos isso, morreremos.

Mas a cobra afirmou:

— Vocês não morrerão coisa nenhuma! Deus disse isso porque sabe que, quando vocês comerem a fruta dessa árvore, os seus olhos se abrirão, e vocês serão como Deus, conhecendo o bem e o mal.

A mulher viu que a árvore era bonita e que as suas frutas eram boas de se comer. E ela pensou como seria bom ter entendimento. Aí apanhou uma fruta e comeu; e deu ao seu marido, e ele também comeu.

Nesse momento os olhos dos dois se abriram, e eles perceberam que estavam nus. Então costuraram umas folhas de figueira para usar como tangas. Naquele dia, quando soprava o vento suave da tarde, o homem e a sua mulher ouviram a voz do SENHOR Deus, que estava passeando pelo jardim. Então se esconderam dele, no meio das árvores.

Mas o SENHOR Deus chamou o homem e perguntou

— Onde é que você está?

O homem respondeu:

— Eu ouvi a tua voz, quando estavas passeando pelo jardim, e fiquei com medo porque estava nu. Por isso me escondi.

Aí Deus perguntou:

— E quem foi que lhe disse que você estava nu? Por acaso você comeu a fruta da árvore que eu o proibi de comer?

O homem disse:

— A mulher que me deste para ser a minha companheira me deu a fruta, e eu comi.

Então o SENHOR Deus perguntou à mulher:

— Por que você fez isso?

A mulher respondeu:

— A cobra me enganou, e eu comi.

Então o SENHOR Deus disse à cobra:

— Por causa do que você fez você será castigada. Entre todos os animais só você receberá esta maldição: de hoje em diante você vai andar se arrastando pelo chão e vai comer o pó da terra. Eu farei com que você e a mulher sejam inimigas uma da outra, e assim também serão inimigas a sua descendência e a descendência dela. Esta esmagará a sua cabeça, e você picará o calcanhar da descendência dela.

Nesta palavra Deus prometeu que enviaria o Seu Filho, o Salvador da humanidade. Um que esmagaria o poder das trevas, a força do pecado e libertaria o ser humano, dando-lhe condição de tornar à Deus com a essência pura com que fora criado.

Para a mulher Deus disse:

— Vou aumentar o seu sofrimento na gravidez, e com muita dor você dará à luz filhos. Apesar disso, você terá desejo de estar com o seu marido, e ele a dominará.

E para Adão Deus disse o seguinte:

— Você fez o que a sua mulher disse e comeu a fruta da árvore que eu o proibi de comer. Por causa do que você fez, a terra será maldita. Você terá de trabalhar duramente a vida inteira a fim de que a terra produza alimento suficiente para você. Ela lhe dará mato e espinhos, e você terá de comer ervas do campo. Terá de trabalhar no pesado e suar para fazer com que a terra produza algum alimento; isso até que você volte para a terra, pois dela você foi formado. Você foi feito de terra e vai virar terra outra vez.

O homem pôs na sua mulher o nome de Eva por ser ela a mãe de todos os seres humanos. E o SENHOR Deus fez roupas de peles de animais para Adão e a sua mulher se vestirem.

Então o SENHOR Deus disse o seguinte:

— Agora o homem se tornou como um de nós, pois conhece o bem e o mal. Ele não deve comer a fruta da árvore da vida e viver para sempre.

Por isso o SENHOR Deus expulsou o homem do jardim do Éden e fez com que ele cultivasse a terra da qual havia sido formado. Deus expulsou o homem e no lado leste do jardim pôs os querubins e uma espada de fogo que dava voltas em todas as direções. Deus fez isso para que ninguém chegasse perto da árvore da vida.

Aplicação da Lição

Enfatize aos pequenos que assim como aconteceu com Adão e Eva assim também é conosco. O pecado realmente traz conseqüências tristes e muitas vezes desastrosas para a nossa vida. Tudo o que Deus nos ensina para fazermos é para nosso bem, para vivermos em alegria e harmonia. Ao desobedecermos certamente males virão em nossa vida. Porém ao pecarmos não devemos fugir como Adão e Eva fizeram, mas correr para Deus, ajoelharmos e pedirmos perdão em Nome de Jesus, o Seu sangue nos purifica de todos o pecado, e é Nele que encontramos a verdadeira felicidade.

Fontes Consultadas:

• Bíblia de Estudo de Aplicação Pessoal – Editora CPAD – edição 2003

• Bíblia de Estudo Plenitude – SBB/1995 – Barueri/SP

• Bíblia de Estudo Pentecostal – Editora CPAD – Edição 2002.

• Bíblia Shedd – Editora Mundo Cristão – 2ª Edição

• Bíblia de estudo da mulher – Editora Mundo Cristão/SBB – Edição 2003

• Dicionário Vine – Editora CPAD – 3ª Edição 2003

• 365 Lições de vida extraídas de Personagens da Bíblia - Rio de Janeiro Editora CPAD

Colaboração para Portal Escola Dominical – Profª. Jaciara da Silva

Copyright © 2003 - 2021 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.