Adultos

Lição 1 - E deu dons aos homens V

SUPERINTENDENCIA DAS EBD'S DAS ASSEMBLEIAS DE DEUS EM PERNAMBUCO

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

SEGUNDO TRIMESTRE DE 2021

Adultos - DONS ESPIRITUAIS E MINISTERIAIS: servindo a Deus e aos homens com poder extraordinário

COMENTARISTA: ESEQUIAS SOARES DA SILVA

COMENTÁRIO: SUPERINTENDÊNCIA DAS EBD'S DAS ASSEMBLEIAS DE DEUS EM PERNAMBUCO

 

LIÇÃO 1 - E DEU DONS AOS HOMENS

INTRODUÇÃO

Iniciaremos este segundo trimestre de 2021 estudando uma riquíssima lição que tem como título: Dons Espirituais e Ministeriais: servindo a Deus e aos homens com poder extraordinário. Nesta primeira lição definiremos a palavra dom à luz do AT e do NT; destacaremos ainda que foi por meio de Cristo que estas habilidades espirituais foram concedidas aos homens; e, por fim, elencaremos os diversos tipos de dons que Deus distribuiu para a Igreja.

I – DEFINIÇÃO DA PALAVRA “DOM”

Segundo o dicionarista Antônio Houaiss, o termo “dom” significa: “donativo, dádiva, presente, bênção, graça, bem espiritual recebido de Deus” (HOUAISS, 2001, p. 1073). O dom espiritual é: “uma dotação ou concessão especial e sobrenatural pelo Espírito Santo, de capacidade divina sobre o crente, para serviço especial na execução dos propósitos divinos para e através da Igreja” (GILBERTO, 2006, p. 195). “Os dons são ferramentas, por assim dizer, à disposição da igreja, para que essa exerça sua missão profética, de proclamadora do evangelho de Cristo, de modo eficaz [...]” (RENOVATO, 2021, p. 10). Existem em toda Bíblia Sagrada pelo menos quatorze palavras para referir-se a dons, cinco delas em hebraico e nove em grego (RENOVATO, 2021, p. 11). Vejamos:

1.1 Antigo Testamento. O termo “mathan” dá a entender “algo que é dado gratuitamente”, é usado cinco vezes no AT (Gn 34.12; Nm 18.11; Pv 18.11; 19.6; 21.14); o termo “nisset” significa “dom, coisa elevada” é usado apenas uma vez (2Sm 19.42); a expressão “maseth” denota “dom, elevação” (Et 2.18; Jr 40.5); a expressão “shorrad” aponta para uma “recompensa” (Êx 23.8; Dt 16.19; 2Cr 19.7; Pv 6.35; 17.8,23); e por fim, “minrrah” significa “oferta, presente” (Gn 32.13,18,20,21; 33.10; Jz 3.15,17,18; Os 10.6) (CHAMPLIN, 2004, p. 211).

1.2 Novo Testamento. A palavra “dídomi” significa: “dar” (Mt 4.9; 5.31; Mc 2.26; Lc 1.32; Jo 1.12); o termo “doma” significa: “presente” (Mt 7.11; Lc 11.13; Ef 4.8); ainda temos “dósis”, “dom” (Fp 4.15; Tg 1.17); a expressão “dorea” (Jo 4.10; At 2.38; 8.20; 10.45; Rm 5.15,17) e “dorema” tem o sentido de “dom” (Rm 5.16; Tg 1.17); bem como o termo “merismós”, “dom”, embora esta palavra derive-se da ideia de dividir (Hb 2.4; 4.12); ainda temos a expressão “cháris”, palavra que significa “graça”, mas que pode ter a ideia de “dom gratuito” (2Co 8.4); e por fim, “charisma”, usada para indicar os dons do Espírito (1Co 12.4,9,28,30,31) (CHAMPLIN, 2004, pp. 211, 212).

II – OS DONS NATURAIS

Os “dons naturais” são também dádivas ou concessões de Deus a todos os homens. Eles podem ser dados através de dois meios, e não devem ser confundidos com dons espirituais ou ministeriais. Vejamos:

2.1 Os “dons” naturais através da natureza. Em sua infinita bondade, Deus: “...é quem dá a todos a vida, a respiração e todas as coisas” (At 17.25). Além da vida humana, infundida no ato da criação, e na geração de cada novo ser vivo, Deus concede, através da natureza, o ar, a água, o sol, a chuva, a germinação das plantas, os frutos, os alimentos e tudo o que é necessário à sobrevivência no planeta, são dádivas naturais e fruto da graça de Deus (Mt 5.45). (RENOVATO, 2021, p. 12). 2.2 Os “dons” naturais através das aptidões humanas. De modo geral, cada pessoa tem algum tipo de habilidade para realizar determinadas coisas. Numa outra linha de entendimento, o psicólogo Howard Gardner (1980) entende que existem 7 tipos de inteligência (apud RENOVATO, 2021, pp. 13-15). Vejamos.

• Inteligência lógica. Pessoas com esse perfil de inteligência têm uma alta capacidade de memória e um grande talento para lidar com matemática e lógica em geral.

• Inteligência motora. Pessoas com este tipo de inteligência possuem um grande talento em expressão corporal e tem um controle sobre o corpo maior que o normal.

• Inteligência espacial. Pessoas com este perfil de inteligência têm uma enorme facilidade e grande capacidade de criação em geral, mas principalmente tem um enorme talento para a arte gráfica.

• Inteligência musical.

Pessoas com este perfil têm uma grande facilidade para escutar músicas ou sons em geral e identificar diferentes padrões e notas musicais e são capazes de aprender a tocar instrumentos musicais sozinhas.

• Inteligência interpessoal. Pessoas com este perfil são extremamente ativas e causam uma grande admiração nas outras pessoas. São líderes práticos, que chamam a responsabilidade para si. Identificam as qualidades das pessoas e extraem o melhor delas organizando equipes e coordenando trabalho em conjunto.

• Inteligência intrapessoal. Pessoas com este perfil tem facilidade em entender o que as pessoas pensam, sentem e desejam. São mais reservados, exercendo a liderança através do carisma e influenciando as pessoas através de ideias.

III – OS DONS ESPIRITUAIS

A expressão “pneumatikon”, usada por Paulo (1Co 12.1), refere-se a “coisas espirituais”, entendidas como os dons espirituais. Esses dons não são privilégio ou exclusividade dos líderes da igreja. Eles estão à disposição dos santos, para que, por eles, o Senhor realize seus propósitos especiais (1Co 12.11). Em 1Coríntios 12, os Dons Espirituais podem ser classificados da seguinte forma:

Quer continuar lendo? Para continuar lendo este artigo baixe os anexos nos links abaixo.Bons estudos.

Fonte: http://portal.rbc1.com.br/licoes-biblicas/index/ Acesso em 29 mar. 2021

Copyright © 2003 - 2021 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.