Adultos

Lição 8 - Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas III

ASSEMBLEIA DE DEUS - MINISTÉRIO DO BELÉM - SETOR 31 (ERMELINO MATARAZZO,SÃO PAULO/SP)

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

SEGUNDO TRIMESTRE DE 2020

Adultos - A IGREJA ELEITA: redimida pelo sangue de Cristo e selada com o Espírito Santo da promessa

COMENTARISTA: DOUGLAS ROBERTO DE ALMEIDA BAPTISTA

COMENTÁRIO: EV. MARCOS JACOB DE MEDEIROS

LIÇÃO Nº 8 – EDIFICADOS SOBRE O FUNDAMENTO DOS APÓSTOLOS E DOS PROFETAS

Texto: Efésios 2.20-22; Mateus 7.24-27

Introdução: Jesus Cristo é a pedra basilar da Igreja, que está edificada por meio dos ensinamentos dos apóstolos e do testemunho dos profetas.

I - UM EDIFÍCIO ESPIRITUAL

1. O santuário judeu

1.1. O templo em Jerusalém era o símbolo do exclusivismo de Israel como povo de Deus (1Rs 8.16-20)

1.2. Quando Cristo veio, o templo perdeu a sua relevância

. Formou uma nova humanidade (Ef 2.18,19)

2. O santuário cristão

2.1. Um novo conceito de santuário foi apresentado (Ef 2.22)

. O templo de Jerusalém não poderia conter Deus (1Rs 8.27)

. No Novo Testamento isso é confirmado, também (At 7.48; 17.24)

2.2. Os crentes judeus e gentios tornaram-se no templo do Espírito Santo (1Co 3.16)

2.3. Todos somos um único edifício espiritual (1Pe 2.5)

3. A pedra angular.

3.1 A história da ‘pedra principal’

. Na arquitetura antiga, a construção de um edifício requeria uma pedra angular. Ela é traduzida como a “pedra mais importante” ou “pedra principal”. Ela era posta no canto do prédio para sustentar o alicerce, firmar e unir toda a estrutura e manter as paredes em linha certa. Para que se tenha uma ideia dessa dimensão, em uma das escavações no local do templo em Jerusalém, foi encontrado um monólito com cerca de 12 metros de comprimento.

4. Cristo, a pedra principal

4.1. Isso faz lembrar da 'pedra de esquina' (Sl 118.22)

4.2. Cristo confirmou ser a 'cabeça de esquina' (Mc 12.10)

4.3. Os apóstolos confirmaram ser Cristo 'a pedra principal' (At 4.11; 1Pe 2.7)

4.4. Cristo é a rocha em quem estamos firmes (Mt 7.24)

II - O FUNDAMENTO: APÓSTOLOS E PROFETAS

1. O conceito de apóstolos

1.1. Apóstolo (Gr) : Enviado ou Mensageiro

1.2. Ele é um imitador de Cristo

. Apóstolo (Hb 3.1)

. Missão: buscar os perdidos (1Jo 4.14)

1.3. Nos evangelhos, o termo se refere aos doze que Jesus escolhera (Mt 10.2-5; Mc 6.30; Lc 6.31)

. Eles foram testemunhas oculares do ministério de Cristo (At 1.21,22)

. Paulo foi chamado para ser apóstolo, também (1Co 15.8,9; Rm 1.1)

1.4. O apóstolo tem o ministério da Palavra (At 6.2-4)

2. A doutrina dos apóstolos

2.1. Os apóstolos ensinavam a doutrina bíblica (At 2.42; 2Tm 3.16)

. Eles a receberam diretamente de Cristo (Rm 6.17; 1Tm 1.3; 2Pe 3.16)

. São palavras com fundamento (Lc 21.33)

3. O testemunho dos profetas

3.1. Profeta (Gr): Proclamador e intérprete da revelação divina

3.2. Efésios 2.20 trata dos profetas na igreja e não os do Antigo Testamento

3.3. Os profetas do Novo Testamento tiveram revelações profundas (Ef 3.4-6)

. Tudo inspirado pelo Espírito Santo (2Pe 1.21)

III - EDIFICADOS PARA MORADA DE DEUS

1. Edifício bem ajustado

1.1. 'Todo o edifício, bem ajustado cresce' (Ef 2.21)

. Indica um processo contínuo de desenvolvimento dos crentes

1.2. O crescimento da Igreja

. Depende de estar ajustados como um edifício (Cl 2.20; 1Co 1.10)

. Estamos bem ajustados em Cristo (Rm 14.15,16; 2Co 13.11)

. Até chegarmos a varão perfeito (Ef 4.13)

2. Templo santo no Senhor

<p.2.1. 'Templo' (naon) = recinto interior, o lugar santíssimo (Hb 9.7)

2.2. Paulo fala do templo santo que é o crente (1Co 3.16; Ef 2.21)

3. Morada do Altíssimo

3.1. No Antigo Testamento fazia alusão:

a. Ao Tabernáculo

b. Ao Templo israelita

3.2. 'Morada do Altíssimo' = lugar de habitação permanente e de comunhão íntima

. Agora, somos 'morada de Deus no Espírito' (Ef 2.22; Hb 4.14-16)

3.3. Deus habita em nós por meio do Seu Espírito (Ef 2.22)

. Não mais em templos feitos por mãos de homens (At 7.24)

. Ele habita na Igreja formada por judeus e gentios (Jo 14.23; 1Co 3.16)

Conclusão: A comparação da Igreja como edifício em construção indica que estamos em processo de aperfeiçoamento até que todos cheguemos à unidade da fé (Ef 4.12,13).

COLABORAÇÃO PARA O PORTAL ESCOLA DOMINICAL - EV. MARCOS JACOB DE MEDEIROS

Copyright © 2003 - 2020 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.