Lição 2 - Os artesãos do tabernáculo IV

Imprimir

p>ASSEMBLEIA DE DEUS - IBOTIRAMA/BA

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

SEGUNDO TRIMESTRE DE 2019

Adultos - O TABERNÁCULO: símbolos da obra redentora de Cristo

COMENTARISTA: ELIENAI CABRAL

COMENTÁRIO: PR. JOSAPHAT BATISTA SOARES

LIÇÃO Nº 2 – OS ARTESÃOS DO TABERNÁCULO

- INTRODUÇÃO

Deus chama Bezaleel e Aoliabe, para desempenhar o ofício artístico que também fora uma missão espiritual.

I – TEXTO BÍBLICO

(Êxodo 31.1-11)

...

II – BEZALEEL E AOLIABE

- Besaliel - Betsal'el - בצלאל é um personagem bíblico filho de Uri, filho de Hur, da tribo de Judá, sendo um artesão que trabalhou na construção do tabernáculo. Seu nome que pode ser encontrado na bíblia também como Bezaleel, o significado deste nome é "Debaixo da sombra de Deus." Aoliabe: (Hebraico) “A tenda de meu pai”. Um artista da tribo de Dã, nomeado para trabalhar na preparação dos materiais para o tabernáculo (Ex 31:6; Ex 35:34; Ex 36:1,2; Ex 38:23).

- Bezaleel desde de sua meninice aprendeu o oficio de joalheiro com seu avô Hur, adquirindo vasta experiencia em confeccionar jóias a partir do ouro, prata, bronze e pedras preciosas. O talento de Besaliel na construção do Mishcan (Tabernáculo) e de seus utensílios era inato, dado por Deus. Era um verdadeiro milagre, pois no Egito os judeus só realizavam trabalhos de escravo, construindo casas e fazendo tijolos. Nenhum deles tivera experiência, ou mesmo contato, com algum tipo de trabalho artístico ou artesanal mais delicado. O mais sagrado de todos os objetos era a Arca. Besaliel era o principal trabalhador na construção da Arca, e realizou essa tarefa com o maior cuidado e atenção.

- Bezaleel é o maior artífice do velho Testamento. Investido pelo Espírito Santo fez, juntamente com Aoliabe, todos os utensílios do Tabernáculo. Com habilidade incomum, trabalhou o ouro e a prata, o bronze e a madeira. Dos planos que lhe passou Moisés, produziu uma obra mais do que admirável. Decorridos tantos séculos, ainda perguntamos: “Como pode Bezaleel produzir as peças do tabernáculo com tanta perfeição, se naquele tempo não havia tantos recursos como hoje? Se a tecnologia ainda estava a ensaiar seus primeiros passos?” Não nos esqueçamos, entretanto, que a capacidade de Bezaleel não vinha dele. Era originaria do Espírito Santo que continua a capacitar-nos a realizar os trabalhos mais difíceis e as mais espinhosas tarefas. Vamos, pois, nos entregar inteiramente nas mãos de Deus para que, à semelhança de Bezaleel e Aoliabe, possamos ser úteis ao reino dos Céus.

Para continuar lendo este artigo baixe o anexo no link abaixo.

COLABORAÇÃO PARA O PORTAL ESCOLA DOMINICAL - PR.JOSAPHAT BATISTA SOARES