Juniores

Lição 11 - O exército que fugiu

ASSEMBLEIA DE DEUS – MINISTÉRIO DO IPIRANGA - SEDE - SÃO PAULO-SP

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

SEGUNDO TRIMESTRE DE 2017

Juniores - Vitórias do povo de Deus

COMENTARISTA: CRISTIANE ALVES

COMENTÁRIO: PROF.ª JACIARA DA SILVA

LIÇÃO Nº 11 – O EXÉRCITO QUE FUGIU

Objetivo

Professor (a) ministre sua aula de forma a conduzir seus alunos crer que nas mais adversas situações podemos ser vitoriosos, se conservarmos a fé em Deus.

Memorizando

“Os que conhecem o teu nome confiam em ti, pois tu, Senhor, jamais abandonas os que te buscam". (Sl 9.10 – NVI).

Texto Bíblico: 2 Rs 6.24,25,31;7.

O cerco de Samaria

Como Israel persistisse em seu caminho de pecado, Deus levanta o rei da Síria chamado Ben-Hadade II. É interessante saber que esse nome quer dizer "filho de Hadade", e Ben, significa "filho de" e Hadade significa "aquele que lança raios". Ele se levanta como adversário para fazer com que Israel voltasse novamente para o Eterno.

A fome gerada pelo cerco de Ben-Hadade a Samaria foi tão severa que Israel recorreu ao canibalismo, e Jorão culpou Elizeu, o profeta, pelo que estava acontecendo.

Esse cerco a Samaria durou três anos e durante esse tempo nada foi feito, penso que o povo mesmo se vendo cercado, ainda não temeram, pois o inimigo poderia se cansar e ir embora, mas os dias vão se passando e tudo vai ficando cada vez pior, mas ninguém faz nada da maneira certa, e como a Bíblia nos relata, "Um abismo chama outro abismo".

No primeiro ano o povo de Samaria confia em suas capacidades, no segundo ano, eles se apegam às esperanças, no terceiro ano partem para as improvisações, se virando, ou como dizemos no Brasil, "dando um jeitinho". E o que dizer do rei Jorão, que já estava vestido de pano de saco, pois um povo sempre espera de seu líder a palavra certa, a atitude certa, a administração para a solução do problema, e devo ainda ressaltar que a Bíblia diz que "feliz a nação cujo deus é o Senhor" e também que "o povo geme quando o ímpio governa".

Certamente a razão do cerco era a distância que o povo estava do Deus Eterno. Lembremos que o profeta Isaías nos diz que nosso pecados fazem separação entre nós e nosso Deus (Is. 59.2). Mas como acabar com esta situação tão desastrosa e danosa para nossas vidas? Voltando para os pés de nosso Deus, o Eterno Deus, o Senhor poderoso na batalha.

O fim do cerco

Quando o rei Jorão viu toda aquela desgraça, ele logo se apressa em culpar o profeta Elizeu, o que ainda hoje fazemos, colocando a culpa das desgraças que assolam as nossas vidas em alguém e esse alguém sempre é Deus.

Assim o rei proclama que iria matar Elizeu e arrancar sua cabeça, mas Elizeu já tinha a resposta para o povo, dizendo que no dia seguinte o povo comeria de muita fartura. E do lado de fora dos muros de Samaria estavam quatro homens leprosos, que segundo a lei não poderiam entrar na cidade e viviam de migalhas e esmolas. Eles entendem que se ficarem ali morreriam de fome e se fossem ao acampamento dos Sírios também morreriam, mas lá eles ainda tinham a chance de receber uma esmola. Assim eles partem em direção ao acampamento inimigo e nessa hora Deus começa a agir com sua mão forte para dar a seus filhos o livramento necessário.

A Bíblia diz que quando eles marchavam pareceu aos ouvidos dos inimigos Sírios que um grande exército vinha contra eles, um exército muito mais numeroso do que eles, e então eles fugiram e deixaram tudo para trás. Assim mais uma vez, Deus deu a vitória ao seu povo.

Aplicação da Lição

Enfatize aos seus alunos que não importa quão difícil possa ser a situação. Devemos sempre confiar em Deus. Ele sempre atende nossas orações.

Fontes Consultadas:

BÍBLIA. Português. Bíblia Shedd. Tradução João Ferreira de Almeida, Revista e Atualizada. 2ª Edição, São Paulo, Editora Vida Nova, 1997.

BÍBLIA. Português. Bíblia de Estudo Pentecostal. Tradução João Ferreira de Almeida, Revista e Corrigida. Rio de Janeiro, Editora CPAD, 2002. Editor geral Donald Stamps, Editor brasileiro Pr. Antonio Gilberto.

TORA. São Paulo, Editora Sanfer, 2001.

Colaboração para o Portal Escola Dominical - Prof. Jaciara da Silva

Copyright © 2003 - 2017 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.