Juniores

Lição 4 - Onde aprendemos a Palavra

ASSEMBLEIA DE DEUS - MINISTÉRIO DO IPIRANGA - SEDE - SÃO PAULO/SP

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

SEGUNDO TRIMESTRE DE 2018

Juniores: Igreja, casa de Deus

COMENTARISTA: ANA PAULA NOGUEIRA

COMENTÁRIO: PROFª. JACIARA DA SILVA

LIÇÃO Nº 4 – ONDE APRENDEMOS A PALAVRA

Objetivo

Professor (a) ministre sua aula de forma que ao término, seu aluno se interessar a aprender a Palavra de Deus.

Memorizando

“Tudo o que vocês aprenderam, receberam, ouviram e viram em mim, ponham-no em prática. E o Deus da paz estará com você." (Fp 4.9 – ARC).

Texto bíblico em estudo: 2 Tm 3.14-17.

O jovem Timóteo e a Palavra de Deus

Em sua primeira viagem missionária, Paulo pregou na sinagoga em Icônio onde muitos judeus e gentios creram no evangelho. Os líderes dos judeus, cheios de inveja, levantaram o povo gentio contra Paulo e sua equipe. Apesar dos sinais e prodígios que eram operados pelas mãos dos servos do Senhor, o povo da cidade ficou dividido e os judeus formaram um motim para apedrejar Paulo. Sabendo disso, tiveram de fugir da cidade e foram para Listra, onde de fato o apóstolo foi apedrejado.

Possivelmente nesse primeiro contato com os judeus na cidade de Listra, a família de Lóide deve ter tido o conhecimento de Jesus como o Messias prometido. Lóide, sua filha Eunice e seu neto Timóteo tornaram-se cristãos.

Eunice era uma jovem judia, filha de Lóide, que se casou com um grego. A Bíblia não menciona os nomes dos esposos de ambas. Quem sabe já fossem viúvas quando Paulo as conheceu em Listra. Entretanto a fé dessas mulheres marcou o apóstolo.

Ele fala da sua conduta moral de acordo com a Palavra de Deus e a firmeza desses princípios na criação de Timóteo. Lóide e Eunice tornam-se símbolos cristãos na educação dos filhos.

E na prática o que elas faziam para ter esse destaque nas Escrituras?

• O ensino da Palavra de Deus em sua casa era fundamental.

• A oração, a meditação nos textos bíblicos e o compartilhar das experiências com Deus eram regra diária na vida dessa família.

• Timóteo cresceu “respirando Bíblia”. Decorou, meditou e estudou a divina semente, que brotou em sua vida e fez dele um continuador da obra de Paulo.

Pense comigo: Paulo deveria conhecer muitas judias em sua época, entretanto ele elogiou Eunice e Lóide. Não sabemos como era a “luta” dessas mulheres. Como mãe e como avó, Lóide, aparentemente, colocou Deus em primeiro lugar em sua vida. Este seu amor pelo Senhor, certamente, serviu de testemunho a sua filha Eunice e a seu neto Timóteo.

Podemos ver, pelos escritos de Paulo, que Timóteo aprendera bem as Escrituras quando ainda era menino. Ele disse: “Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, e que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus. Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça; para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.” (2 Tm 3.14-17).

Conclusão

Timóteo foi ensinado a servir a Deus desde a sua infância. Aprendeu de sua mãe e de sua avó as Sagradas Letras, e aconselhado pelo apostolo Paulo a sempre praticar os conselhos divinos contidos em Sua Palavra. A obediência a Palavra de Deus nos faz trilhar caminho de paz e alegrias.

Colaboração para Portal Escola Dominical – Profª. Jaciara da Silva.

Copyright © 2003 - 2018 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.