Jovens

Lição 6 - O dom de línguas I

ASSEMBLEIA DE DEUS - TEMPLO CENTRAL - NATAL/RN

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

QUARTO TRIMESTRE DE 2018

Jovens: O VENTO SOPRA ONDE QUER: O ensino bíblico do Espírito Santo e a Sua operação na vida da Igreja

COMENTARISTA: ALEXANDRE COELHO

COMENTÁRIO: PROF.ª SULAMITA MACEDO

LIÇÃO Nº 6 – O DOM DE LÍNGUAS

Professoras e professores, observem estas orientações:

1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:

- Cumprimentem os alunos.

- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.

- Perguntem como passaram a semana.

- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.

- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.

2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.

Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.

3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).

Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.

4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.

5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!

6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:

- Apresentem o título da lição, escrevendo no quadro ou cartolina: O dom de Línguas.

- Para iniciar o estudo do tema, apliquem a dinâmica “O dom de línguas”.

- Agora, trabalhem o conteúdo da lição.

Ao trabalhar o conteúdo da lição, vocês devem oportunizar a participação do aluno, envolvendo-o através de exemplos e situações próprias de sua idade. Dessa forma, vocês estão contextualizando o tema com a vida do aluno, além de promover uma aprendizagem mais significativa.

Tenham uma excelente e produtiva aula!

Dinâmica: O dom de Línguas

Objetivo: Introduzir o estudo sobre o dom de línguas.

Material:

Bíblia Sagrada

Procedimento:

- Dividam a turma em 02 grupos.

- Entreguem para o grupo 01 as frases abaixo em uma língua estrangeira, pode ser inglês, francês, alemão etc.

Falem que devem ler e entender a mensagem contida nas frases.

Observem as reações dos alunos. Certamente, eles terão dificuldade por não conhecerem a língua.

As frases abaixo referem-se a I Coríntios 14.2 a 5, mas não digam isto para os alunos:

Eu escolhi a língua alemã:

Denn der in Zungen Redende redet nicht zu Menschen, sondern zu Gott; denn keiner versteht es, er redet aber Geheimnisse im Geist.

Der Weissagende aber redet zu Menschen Erbauung und Trost und Zuspruch.

,p>Der in Zungen Redende erbaut sich selbst; der Weissagende aber erbaut die Gemeinde.

Ich wollte aber, dass ihr alle in Zungen redet, vielmehr aber, dass ihr weissagt; der Weissagende aber ist größer als der in Zungen Redende, außer, wenn er es auslegt, damit die Gemeinde Erbauung empfängt.

- Entreguem para o grupo 02 as frases abaixo em uma língua estrangeira, pode ser inglês, francês, alemão etc.

Falem que devem ler e entender a mensagem contida nas frases.

Observem as reações dos alunos. Certamente, eles terão dificuldade por não conhecerem a língua.

As frases abaixo referem-se a I Coríntios 14:12-15), mas não digam isto para os alunos:

Eu escolhi a língua alemã:

So auch ihr, weil ihr Eiferer um Geistesgaben seid, trachtet nach Erbauung der Gemeinde damit ihr die Fülle habt!

Darum, der in Zungen Redende bete, dass er es auslege!

Denn wenn ich in Zungen bete, dann betet mein Geist, mein Verstand aber ist unfruchtbar.

Was ist es nun? Ich bete im Geist, ich bete aber auch mit dem Verstand; ich lobsinge im Geist, ich lobsinge aber auch mit dem Verstand!

- Depois, deste momento inicial de contato com as frases em língua desconhecida, perguntem:

O que é necessário para entender o conteúdo das frases?

Aguardem as respostas.

- Em seguida, entreguem as mesmas frases, só que agora em Português.

- Falem para o grupo 01: vocês vão ler e falar para a turma o que Paulo quis dizer quando escreveu o que contêm os versículos abaixo:

“Porque o que fala em língua desconhecida não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, e em espírito fala mistérios.

Mas o que profetiza fala aos homens, para edificação, exortação e consolação.

O que fala em língua desconhecida edifica-se a si mesmo, mas o que profetiza edifica a igreja.

E eu quero que todos vós faleis em línguas, mas muito mais que profetizeis; porque o que profetiza é maior do que o que fala em línguas, a não ser que também interprete para que a igreja receba edificação”(1 Coríntios 14:2-5).

- Falem para o grupo 02: vocês vão ler e falar para a turma o que Paulo quis dizer quando escreveu o que contêm os versículos abaixo:

“Assim também vós, como desejais dons espirituais, procurai abundar neles, para edificação da igreja.

Por isso, o que fala em língua desconhecida, ore para que a possa interpretar.

Porque, se eu orar em língua desconhecida, o meu espírito ora bem, mas o meu entendimento fica sem fruto.

Que farei, pois? Orarei com o espírito, mas também orarei com o entendimento; cantarei com o espírito, mas também cantarei com o entendimento”(1 Coríntios 14:12-15).

- No momento da apresentação, observem o que os alunos estão afirmando e corrijam ou acrescentem alguma informação caso necessário.

- Após a apresentação dos grupos, perguntem se eles tiveram alguma dificuldade.

Certamente, alguns alunos vão dizer que tiveram dificuldade de entender, mas aproveitem e falem que mesmo sendo um texto na nossa língua, as dificuldades de compreensão e interpretação acontecem.

E quando se trata de línguas estranhas?

- Falem: É sobre isto que vamos estudar nesta lição.

Por Sulamita Macedo.

Fonte: http://atitudedeaprendiz.blogspot.com/2018/11/jovens-ovento-sopra-onde-quer-o-ensino.html Acesso em 06 nov. 2018

Copyright © 2003 - 2018 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.