Adultos

Lição 11 - A lâmpada arderá continuamente III

p>ASSEMBLEIA DE DEUS - MINISTÉRIO DO BELÉM - SETOR 31 (ERMELINO MATARAZZO, SÃO PAULO/sp)

PORTAL ESCOLA DOMINICAL

TERCEIRO TRIMESTRE DE 2018

Adultos - Adoração, santidade e serviço: os princípios de Deus para a Sua Igreja em Levítico

COMENTARISTA: CLAUDIONOR CORREA DE ANDRADE

COMENTÁRIO: EV. MARCOS JACOB DE MEDEIROS

LIÇÃO Nº 11 – A LÂMPADA ARDERÁ CONTINUAMENTE

Texto: Levítico 24.1-4

Introdução: Tal como as lâmpadas do Tabernáculo brilhavam continuamente, assim devemos nós resplandecer neste mundo de apostasias, iniquidades e trevas.

I - O CANDELABRO DE OURO

1. O fabrico do candelabro

1.1. Os artífices fizeram um candelabro de ouro (Êx 25.31)

. Formava uma só peça com o seu pedestal, hastes, cálices, maçanetas e flores

. Toda peça era simétrica e harmônica (Êx 25.31-36)

2. A luz do candelabro

2.1. O azeite para o candelabro foi trazido pela congregação de Israel (Êx 25.6)

. Teria de ser puro

. Teria de ser batido

2.2. Simbologia

. Jesus requer de cada crente uma luz de excelência (Mt 6.23)

. Nós somos a luz do mundo (Mt 5.16)

3. O seu lugar no tabernáculo

3.1. Para quem entrava no Tabernáculo, o candelabro de ouro ficava ao lado esquerdo (Êx 26.35)

. Plenamente aceso, dava uma visão da glória de Deus.

3.2. Simbologia:

. Lembrava a Cristo (Ap 1.12,13)

. Lembrava a Jerusalém celeste (Ap 21.18,21)

3.3. O candelabro de ouro devia cuidado diariamente (Êx 30.7,8)

. Limpando e provendo o azeite

. Também devemos cuidar da nossa vida espiritual diariamente com leitura da Bíblia, oração e jejum

II - JESUS, A LUZ ETERNA E PERFEITA

1. Jesus, a luz do mundo

1.1. Jesus anda livremente entre os candelabros (Ap 1.12,13)

. Somente a luz do Cordeiro pode levar os castiçais a refulgirem

. Jesus é a luz do mundo (Jo 8.12; Is 9.2)

1.2. Somente podemos brilhar se estivermos em comunhão com o Filho de Deus

2. A Igreja é a luz do mundo

2.1. Jesus assim declarou (Mt 5.14)

. A missão de iluminar esse século passou a ser nossa

2.2. Brilhamos, não somente como um candelabro, mas, como astros (Fp 2.15; Dn 12.3)

3. O crente como luz do mundo

3.1. Individualmente o crente é luz do mundo (Lc 11.35)

. Exemplo: Estêvão (At 6.15)

III- MANTENDO A LUZ BRILHANDO CONTIUAMENTE

1. Nossa união com Cristo

1.1. Nossa comunhão com Cristo deve ser imprescindível

1.2. Zacarias viu um candelabro ligado ao vaso de azeite, e, este, por sua vez, ligado a duas oliveiras (Zc 4.1-3)

. Havia, assim, um fluxo contínuo de azeite

. Jesus é a 'oliveira' na qual fomos enxertados (Rm 11.17-24)

. Unidos a Jesus, jamais nos faltará o azeite (1Jo 2.20)

2. Nossa comunhão fraternal

2.1. O candelabro era formado de uma única peça (Êx 25.31)

. A igreja, embora formada por vários membros, somos um só corpo (1Co 12.13)

. Todos somos um em Cristo (Rm 12.5)

2.2. Para continuar sendo 'um', devemos preservar o vínculo do amor (Ef 4.3; Cl 3.14)

. Devemos nos amar como Cristo nos amou (Jo 13.34)

. Manter a comunhão com o Espírito Santo (2Co 13.13)

3. Nosso testemunho diário

3.1. O nosso testemunho é um protesto contra o pecado

3.2. O candelabro era adornado por figuras de amendoeiras, nas quais brotavam a luz gloriosa (Êx 25.33)

. Esta foi a árvore que marcou o chamamento do profeta Jeremias (Jr 1.11,12)

. Esta é a árvore que primeiro floresce na primavera

3.3. Quando o mundo vê o bom testemunho do crente, Deus é glorificado (Mt 5.16)

. Cada um de nós deve ser um padrão de boas obras (Tt 2.7)

Conclusão: Jesus vê as nossas obras, sonda nossas intenções e mede a intensidade de nossa luz. Como está a nossa lâmpada?

COLABORAÇÃO PARA O PORTAL ESCOLA DOMINICAL - EV. MARCOS JACOB DE MEDEIROS

Copyright © 2003 - 2018 Portal Escola Dominical todos os direitos reservados.